domingo, 12 de agosto de 2012

O veredicto

É… às vezes a gente quebra a cabeça. Mesmo com o óbvio.